sábado, 23 de junho de 2018

Cidades educadoras e vaguidade


A cidade e a fogueira de São João (23-06-2018)

Bom! Eu sei o que é a cidade.
A cidade é as pessoas. Sem estas de nada servem bibliotecas, museus, teatros, belas praças, largas avenidas.
Mas não sei o que é a cidade educadora devido a uma indeterminação semântica, quero dizer, a uma indeterminação de sentido.
A cidade educadora visa favorecer processos de democratização e humanização dos respectivos cidadãos?
A cidade educadora será um movimento que procura revolucionar a educação escolar? 
«cidade educadora é o que cada um tem, pensa e está a fazer por sua cidade»? (citado por Moncada e Villa, 1998.p.69).
Neste último caso, eu já me ordeno, avant la lettre, à cidade educadora desde 1980, ano das minhas primeiras publicações em jornais do Distrito sobre Alcochete e a minha comunidade!

Sem comentários:

Enviar um comentário