quinta-feira, 12 de abril de 2018

Ainda sobre a morte

Por razões que não consigo imaginar, muitas pessoas recusam falar da morte.
Há quem chegue a ter medo e/ou mesmo a recusar a morte... certa à nossa frente.
A pedra envelhece e esboroa-se... e o ferro enferruja inexoravelmente. Por que o ser humano não deverá ter o seu fim?
Não pensar assim, peço mil desculpas de o dizer, não é próprio da pessoa adulta. Não há crescer se este, também, não for descer para a morte.
Face à morte, o que tens a fazer é preparar-lhe um chá para que à chegada da visitante incontornável o tomem juntos e, depois, sigas a tua última viagem.
Até lá, vive bem e deixa o resto com Deus.

Sem comentários:

Enviar um comentário